Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

Porque sim

Já fui tremendamente feliz. Já fui desmesuradamente infeliz. Já senti o coração dilatar para fazer caber quem não me pertencia. Já fechei o coração e não deixei ninguém entrar. Já me senti esmagada com a presença de muita gente e já me senti sozinha no mundo. Já senti a solidão de não me conhecerem e já soube o que era ser vista como se fosse transparente. Já vivi muito e já me isolei para não deixar que a vida me encontrasse.

Hoje sou maior do que fui ontem e sei que não tenho a vida perfeita. Hoje dou o peito às balas para o que vier e faço a viagem com quem quiser acompanhar, não dependendo da companhia de ninguém mas apreciando quem ficar de livre vontade e por sua conta e risco. Hoje sou feliz com o que tenho e com quem sou. Agradeço todos as pedras no caminho e não farei nenhum castelo com elas, vou deixá-las onde estão porque não me pertencem.

Verdadeiramente meu só este coração enorme, com vontade infinita de amar e dar-se.

94aa6b40f334be4078f641e37f2526b6.jpg

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.