Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

Mais um ciclo (que se confunde com a chegada da primavera e a proximidade do verão)

Ia tendo um fanico quando me pesei no domingo. Há quase um ano comecei a dieta dos 31 dias, que foi o arranque necessário para perder cerca de 10 kgs até ao final do ano 2013. Já não me lembro bem quando foi mas sei que cheguei aos 58,900. Quando se perde tanto peso, e já não engordamos 500 grs com um ferrero rocher, a malta começa a esquecer-se de certas regras, a alarveirar de vez em quando, as pesagens são feitas só quando a culpa pesa mas esquecem-se quando se avista um belo petisco e pronto, lá começam as calças a apertar, os soutiens a não servir e as bochechas a crescer.

 

Ainda não é preocupante, tenho um peso acima do que devo mas nada comparado ao que já tive, de qualquer modo, decidi arregaçar mangas e iniciar um recomeço. Juntei as dietas todas, os detox da moda, as sementes maravilha, as papas de aveia e overnightoats, baralhei bem e decidi comer de forma saudável, regrada, sem dietas loucas e sem exageros. O plano inicial é sopa à noite, muita água e/ou chá durante o dia, diminuir nos habituais arroz, massa, batatas, insistir no frango e perú. Até aqui a coisa faz-se bem mas o meu problema são os lanches... É que eu almoço e fico bem mas duas horas depois começo a olhar para o relógio para ver se já "posso" comer. Um iogurte e uma fruta são coisas muito agradáveis mas sabem a pouco; gelatinas... já não as posso ver; rolinhos de fiambre e uma cenoura... epah, esqueçam lá isso. E o que eu sonho com doces, enquanto não como? Tenho que pensar em encaixar nos lanches as novidades dos detox, ou das sementes, ou da aveia. A verdadeira dificuldade da dieta, qualquer uma, é tudo menos as refeições.

 

Só este paleio todo já me fez uma fomeeee...

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.