Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

Humanos Anónimos

Ontem estava a ver um episódio da série Mom e a pensar para comigo "Uau, deve ser muito bom ter um grupo de pessoas (re)unidas exclusivamente para partilhar as suas frustrações, problemas, dúvidas, infortúnios (muitos dos quais são semelhantes e, como tal, compreensíveis entre os outros) e também as facilidades, vitórias, progressos.". E depois pensei "Uau, quão lixada devo eu ser para sair a perder de uma comparação com alcoólicos?". E depois pensei que os alcoólicos não são mais do que pessoas que cometeram erros. E não somos todos? Com uma diferença: eles estão a fazer reparações. 

 

Se todos nós trabalhássemos os nossos problemas da mesma forma, acredito que todos seríamos pessoas mais estáveis, equilibradas e felizes. 

 

Se calhar devia existir um grupo de Humanos Anónimos, aberto a qualquer pessoa que queira trabalhar em si própria e seja corajosa o suficiente para perceber e reconhecer que não o pode fazer sozinha. Um espaço seguro para todos, independentemente de qual fosse aquilo em que quisessem trabalhar. Porque todos temos alguma coisa. 

 

Alguém interessado?

 

 

16 comentários

Comentar post