Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

Filosofias de bolso #1

(Suspeito que vou fazer uma longa coleção)

 

Atitudes geram atitudes, a falta delas também; Por conta disto algumas pessoas dizem adeus.
Clarisse Soares

Atitude gera atitude?

Há um tempo, numa conversa polémica que envolvia o atendimento ao público pela função pública, dizia-me a minha sobrinha mais velha que entrava sempre com um sorriso e nunca desarmava, mesmo que do outro lado estivesse a cara mais fechada do mundo, e que, regra geral, acabava por contagiar a outra parte, e provocava sempre um sorriso, ou uma gentileza. Eu, que não lido bem com antipatias, disse-lhe que não aguentava, que me estragavam logo o dia e era incapaz de continuar a sorrir feita otária. Ela insistiu que não, não devia desistir, porque atitude gera atitude, e mesmo que não conseguisse que a outra pessoa condescendesse, ela é que perdia porque tínhamos saído de lá mais satisfeitas.

A minha perspetiva é totalmente diferente, talvez por ser muito orgulhosa. Entro com um sorriso, sou educada e simpática e levo com um balde de água fria na tromba e lá se me vai a boa intenção! Sou lá capaz de continuar a sorrir (e a sentir-me tontinha)? Não. Falo o menos possível, meto o meu ar de segunda-feira de madrugada e não há cá simpatias para ninguém.

Mas estava capaz de fazer o teste, a bem da curiosidade científica. (Tenho é que comprar xanax antes...)

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.