Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

CA MEDO!

Em menos de duas horas já ouvi duas histórias novelescas, a puxar para o macabro, de romances acabados - um príncipe perfeito, que se transformou em louco possessivo, e uma princesa que meteu as garras de fora para mostrar que é tudo dela, se não for dele não é de ninguém...

Uiiii.

É certo que nunca se conhece realmente alguém mas deu-me vontade de perguntar "Quanto tempo levaram a conhecer essa pessoa? Achavam mesmo que passado um mês já sabiam o suficiente para se mandarem de cabeça?"... Eu também o fiz, é certo, mas tinha idade para isso, hoje já sei que na febre da paixão é tudo maravilhoso, adrenalina e hormonas e tal mas, por baixo da rama, esconde-se o fundamental, o lado lunar como cantou Rui Veloso. Atenção às/aos solteiras/solteiros que lêem isto: não defendo que encontrem pessoas perfeitas, que não existem, mas sim, que se conheça o pior da pessoa para saber se conseguem lidar com isso ou não. Procurem o pior, a sério! Vai ensinar-vos muito mais, acerca do outro e de vós próprios também.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    trocatintas 25.06.2012 14:56

    São coisas distintas - uma coisa é começarmos a ver bem e largar as lentes cor-de-rosa, que faz parte, é natural, é saudável; outra é mostrar uma coisa que não se é; outra ainda, querer desesperadamente acreditar numa coisa que não existe. As pessoas t~em que parar de querer ter uma vida perfeita como nos filmes e perceberem que são de carne e osso, principalmente os homens! Não podem ver uma burra de saias que é logo uma princesa. Escolhem um bibelot mas querem que se torne uma segunda mãezinha. Cresçam, mas é!
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.