Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rir e Comer Bolachas

A arte de fazer tudo, menos o que devo!

Desde qua a sapateira entrou lá em casa que ainda não sosseguei, nem deixei o Dinis sossegar também.

Ontem tentei iniciá-lo na arte de destralhar. Sem sucesso. A criatura gosta de ter toda a tralha possível e imaginária junto dele, ele é bonecos partidos, carros com os quais já não brinca (o que me lembra que o meu filho deixou de brincar há algum tempo, agora só joga...), livros, revistas, cadernetas, cromos, autocolantes, posters, lápis, iô-iôs, beyblades, cabos, carregadores, berlindes, legos, e por aí fora.

 

Adiante. O que tem isto a ver com a sapateira? Tudo. A antiga sapateira, que era esta cómoda do IKEA mudou-se para o quarto dele, e não ficou nada bem, apesar de fazer imensa falta para guardar tralha-tão-preciosa-quanto-o-primeiro-foguetão-que-construiu... Talvez motivada pela febre e dores variadas, passou-me uma coisa pela vista e transformei o dito móvel nisto:

 

Eu ia pedir desculpa pela qualidade da imagem (tirei com o telemóvel) mas afinal o meu problema é mesmo grave... A foto não roda! Juro que a guardei direitinha mas chega aqui... Fica nisto!{#emotions_dlg.blushed}

 

Queiram, por favor, virar o monitor, sim? Acho que vale a pena, o móvel ficou mesmo giro, e maluco! Quando regressou do treino ouvi o miúdo dizer " Quando saí daqui, isto estava tudo normal..." Ahahah.

Pronto, e é isto. Quero arrumar os sapatos e distraio-me com tudo. A seguir vai ser formação intensiva em edição de imagem.{#emotions_dlg.sarcastic}

E estares caladinha, hum?

"- Oh Trocatintas, estás mais gorda?"

 

Se eu tivesse um pingo de coragem, tinha-lhe perguntado, como resposta, se ela (claro que era uma mulher) estava mais parva ou tinha sido sempre assim, mas não, engoli em seco e concordei, pois se calhar estou. Sei lá eu qual era o meu peso quando a vi pela última vez...

 

Há alguma razão para as pessoas fazerem perguntas destas? Ou está ou não está, de qualquer das formas é possível constatar o facto sem ser necessária a pergunta. {#emotions_dlg.brrrpt}

"Só tens um filho, tens assim tanto que fazer?"

Ontem tinha umas horas programadas para arrumações específicas depois de levar o miúdo ao treino, tinha jantar feito, estava sozinha, parecia o cenário perfeito, não parecia? Pois...

 

Chegou ontem a sapateira nova, que diz que vai trazer ordem e organização e, finalmente, o espaço vazio debaixo da cama. Todos, repito, todos os sapatos de salto alto, sapatos rasos, mocassins, chinelos de quarto, chinelos de praia, chinelos de banho(?), botas de salto alto, botas rasas, botas para a serra, ténis de caminhada, ténis all star, ténis-botas, chuteiras, caneleiras, esponjas e esponjinhas, creme hidratante para calçado, panos-paninhos-e-flanelas e aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaiiiii! Que vontade de chorar!!! Tudo parede fora, encostadinhos à parede em filinha, prontos para serem limpos e arrumados. No chão do quarto havia mais. Olho para cima da cama e roupa para guardar nos armários. Pela cama toda. Se queria dormir, tinha que arrumar, não havia alternativa possível.

 

No quarto do Dinis, a sapateira antiga (que é um móvel IKEA) estava à espera de novas acomodações.

 

O caos.

 

O drama.

 

O horror.

 

Deitei mãos à obra e comecei por procurar o carregador do telemóvel perdido desde quinta-feira passada, porque hoje precisava mesmo dele e não tem bateria há dias. Demorei horas. Sem exagero. Durante esta tarefa entornei o saco do lixo (com restos de comida...), parti uns pés de erva-cidreira (que eram aos montes- 4!) e rasguei uma camisola.

 

Quando me deitei ia já a dormir, certamente. E hoje...ai, hoje! está tudo na mesma, tirando umas roupas que separei e arrumei. Chiuf

Depressa e bem....

Acabo de ligar para uma oficina, onde está um carro do meu cliente para ser peritado, e para fazer a respectiva peritagem, preciso do numero de contribuinte da oficina:

- Bom dia, fala a Bolacha Maria, tenho aí um carro para ser peritado e p...

-"Vou passar à oficina!"

-...

-"Estou sim?"

- Bom dia, fala a Bolacha Maria, tenho aí um carro para ser peritado e preciso do vosso numero de contribuinte

- "Ah..pois, mas está a falar com o mecânico...Eu não sei nada disso. Vou passar à minha colega de escritório"

 

 

Certo.

E ouvirem primeiro o que estamos a dizer, hum?....

 

Momentos

Perdoem a má qualidade da máquina (sobretudo a falta de jeito de quem tirou a foto!), mas isto era o que eu via da minha varanda quando cheguei a casa....

 

Gosto tanto de arco-íris....

 

É caso para dizer: "Podes tirar a rapariga da provincia, mas não a provincia da rapariga"!...