Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rir e Comer Bolachas

O vizinho desejado

O Sapo pergunta quem gostaríamos de ter como vizinho do lado num voo longo... Lembrei-me logo do nosso Primeiro.Ministro mas mudei de ideias! Quero uma companhia bem disposta, com quem conversar imagino ser uma delícia. Alguém por quem tenho uma extrema admiração e faz-me rir só pela forma como se expressa corporalmente, "um ataque cardíaco com pernas" como foi descrito por um colega de profissão:

Desde que vi "Coçar onde é preciso" sou uma grande fã deste senhor!

 

 

 

 

2011/ 2012

Eu não disse que era um instantinho?? Mal chega, já acabou... Apesar de ser Natal até dia de Reis, o pessoal já só pensa na passagem do ano, em fazer o resumo do que foi 2011 e os planos e resoluções para 2012, e eu não sou excepção, até porque tenho tempo de sobra para pensar enquanto aqui estou deitada e ver os 386 programas para reformados que passam na nossa TV. Assim sendo:

 

2011 - Passou rápido e não dei pelo tempo passar. Terá sido pelas estações do ano estarem baralhadas? Foi um ano de preocupações, de antecipação de 2012, de medos, mas também foi o ano de melhoria se pensar em saúde. Só por isso, já foi um bom ano!

 

Passagem de ano - Se eu não quiser música aos berros, tampas a bater umas nas outras, nem confusão de jantares, é sinal de que tenho problemas? Não! É sinal de que quero estar sossegadinha, no conforto da minha casinha, embrulhada em mantinhas e a aproveitar de maneira diferente, sim? Ainda não falei com o senhor meu esposo acerca do assunto mas aposto que ele quer o mesmo.

 

2012 - Que haja saúde e trabalho, nós fazemos o resto: perda de peso, aumento de energia, aumento de optimismo e alegria. 

 

Resolução de ano novo: viver um dia de cada vez e ver 1 noticiários de 2 em 2 dias. Tenho feito isto e sou muito mais feliz.{#emotions_dlg.star}

Estou convencida de que existem gripes novas por aí!

E agora, uma coisa verdadeiramente incrível e cheia de interesse para as pessoas em geral: estou doentinha, há dois de cama e com dores de estômago. Não sei se é gripe, porque não há febre, ou gastroentrite, por ter passado uma noite abraçadinha à sanita, convencida de que a morte estava certa tal era a má disposição... (e a hipocondria).

Para acabar com o resto, estou cheia de dores no corpo, e frio, frio, frio, muito frio. Se pudesse, ia para baixo do chuveiro com agua quentinha todo o dia! Nada como acabar o ano assim!!

Desafio BM dia 27 # e mofo/bafio

Ora então, mais um dia que passou... Desta feita, houve um pequeno estrago: umas batatas recheadas e gratinadas com carne (que tinha sobrado ainda da Consoada) e cobertas de mozarella...

 

Compras: zero. Iei!!

 

Agora um assunto que não tem nada a ver:

 

tenho um roupeiro, que não sei porquê cheira muuuito a mofo. E se há cheiros que me incomodam, este é um deles. É um roupeiro onde estão todos os fatos do Bolacho (e eu acho até que foram os fatos que ele usou pouquissimo no Verão e não os mandou limpar, que provocou isto), cintos, e inclusivamente um casaco de cabedal.

Já o "despejei" (tirei todos os fatos e pu-los ao sol a apanhar ar) e já o levei com água e vinagre. Melhorou, mas não resolveu.

Já experimentei também giz, que deixei lá dentro durante uma semana ou duas. Não funcionou também.

 

Mais ideias?....

 

Agradecida desde já.

 

(Ah, evidentemente que qualquer experiência daqui para a frente, só depois de mandar limpar os (milhentos) fatinhos do Bolacho.