Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

...

O meu colega de trabalho andava há dias a convidar amigos para um evento qualquer no próximo domingo, vai ligando e apontando numa folha (que há-de perder daqui a poucos minutos) as presenças. Andava animado. Às tantas desligou uma chamada, disse uma asneira e começou a contar - convidou um amigo que inicialmente recusou porque tinha que trabalhar mas, subitamente, mudou de ideias. Sim, ia trabalhar como faz habitualmente, mas no dia seguinte será internado para tratamento por causa de um cancro recentemente diagnosticado. Tem 28 anos e é a segunda vez que isto lhe acontece, a primeira foi há quatro anos. E mudou de ideias porque sabe lá ele quantos mais domingos terá.

 

Para mim, foi um murro no estômago, e nem sequer é uma pessoa que me seja próxima. Eu sei que não nos vamos todos despedir do trabalho para melhor aproveitar a vida, não vamos fugir das responsabilidades, das coisas chatas, porque é disso que a vida se alimenta - das rotinas - mas que nos ajude a perspetivar. Metemos na cabeça que temos tempo para tudo, que somos imortais.

2 comentários

Comentar post