Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

Expiação

Ofereço a dor que sinto para remissão dos meus pecados. Por todas as minhas falhas e defeitos, pelo mal que possa ter causado, pelo sofrimento que provoquei. Errei muitas vezes, e hei-de errar muitas mais porque faz parte da minha condição de ser humana. Arrependo-me de alguns erros, aceito e percebo tanto outros.

Podia agora dizer que não é justo, que lutei sempre, que não merecia, que movi céu e terra, que merecia mais, e embora seja tudo verdade, estou de coração leve e sem mágoa, sem azedume e não quero fazer mais acertos, ou balanços. Estão saldadas as contas, sem que se apure o resultado. O percurso doeu muito, ainda dói, mas fez de mim uma pessoa extraordinária, que ama com o coração e com a alma, que dá tudo e ainda mais um bocado. 

Hoje será o meu dia de expiação, o dia em que ofereço a mim mesma o sacríficio e o perdão. 

 

5 comentários

Comentar post