Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rir e Comer Bolachas

Uma limpeza antes de entrar o ano

Não será uma limpeza profunda mas também não será daquelas a fingir, em que parece que está limpo quando, na realidade, não está. É mais do tipo de renovação do ambiente.

 

Quero arejar a casa, e a minha cabeça e coração também. Mesmo que esteja a chover e faça frio, quero deixar entrar ar, abrir os pulmões e sentir a vida a entrar. Aquilo de que gosto e que me faz bem não vai mudar de sítio mas vai ter o pó limpo e o seu lugar garantido. Quero aproveitar o frio da estação para sentir o calor de um banho quente e um roupão macio na pela ainda morna. Quero deixar maus hábitos e ter novos e saudáveis. Quero sentir os pés do meu gajo nos meus ainda antes de abrir os olhos e antes de chamar nomes ao despertador. Quero não fazer mais balanços e fazer as pazes, com o que passou, com o que fui e o que não fui, com tudo o que fiz e com o que me fizeram. Quero guardar apenas o que aprendi e de que fibra sou feita. Não quero papeis velhos, nem listas do que não fiz. Quero roupas lavadas e sacudidas. Sim, uma sacudidela de vez em quando faz sempre bem. Quero ter a casa limpinha e dormir confortável.Quero acender uma vela, ajeitar a árvore de natal e o frasco dos biscoitos e aconchegar-me no sofá.

 

E, depois de todo o trabalho feito, ficar apenas a ver e a saborear.  E lembrar-me sempre que isto é um work in progress, e que amanhã serei uma pessoa melhor.

 

 

3 comentários

Comentar post